quinta-feira, 17 de maio de 2012

VAMOS AJUDAR OS NORDESTINOS DA SECA

Imagem: Diário de Pernambuco

É impressionante: quando acontece alguma tragédia lá para as bandas do sul do país, sabe-se que todos os veículos de comunicação se voltam e divulgam a miséria catastrófica como notícia de última hora - o que de fato o é! Reconheço que, nessas ocasiões, cumprem - apesar de em troca alcançarem altos índices de audiência - com seu papel social e conseguem levar um pouco de luz e ajuda para os necessitados.

Pois bem, acontece que a seca no nordeste não se trata de uma catástrofe momentânea - que já é uma tristeza de se ver, imagina para quem passa -... talvez por isso, não mereça o destaque que as demais catástrofes recebem. Com certeza, do mesmo jeito que todo o Brasil - representado pelo seu povo brasileiro - ajuda-se nas catástrofes como os deslizamentos de terra, as enchentes e outras tantas que vêm ocorrendo, assim o faria com a pior seca em seu Nordeste se houvesse essa divulgação, esse alerta em rede nacional, em todos os canais de TV, sites e afins de grande audiência. 

O povo Nordestino é povo. É gente! É Brasileiro, também. Viver na seca não se trata de uma opção, mas uma condição. Imagine você se cada sertanejo abrisse mão de sua raiz e fosse tentar a sorte nas outras regiões do país? Esse êxodo poderia causar um desequilíbrio sério e grave para eles e para a economia. Qual seria, então, a melhor solução? O que se pode ser feito para ajudar esse povo guerreiro e tão solidário? Vá ao sertão e chegue com fome ou sede e receberá de qualquer sertanejo a comida que ele iria comer e a água que iria beber. Esse povo merece não só o nosso respeito, nossa admiração, mas, nossa AJUDA! Esse povo não quer esmola, migalhas ou algo parecido, porque eles labutam muito e têm orgulho de serem quem e de onde são. Esse povo sabe ir a busca da subsistência, apesar de todos os contratempos praticamente naturais. Não são acomodados. Muito menos preguiçosos. São guerreiros! Mesmo assim, esse povo precisa da nossa ajuda. Esse povo precisa que enviemos água, alimentos e o que mais pudermos.

Infelizmente, esperar do Governo - seja ele de qual esfera for - talvez seja o mote e, por isso, imagino eu, pedir ajuda com ênfase nesses veículos de massa seria fazer o que o Governo não faz... e isso, provavelmente, eles não queiram...

Sendo assim, vamos procurar coletar em nosso condomínio, em nossa rua, em nossa região - por menor que seja - água mineral, roupa, alimentos não perecíveis e o que mais for necessário. Eu não sei onde entregar, ao certo, mas, procurar um quartel do exército na cidade e pedir ajuda pode ser um caminho. 

A gente não vai acabar com a seca, mas, podemos colaborar, fazer algo, em vez de apenas ver, se comover e chorar! Melhor secar uma lágrima por falta d´água mandando uma garrafa d´água para matar a sede.

Eu já comecei aqui no condomínio! 

Forte abraço,

Pat Lins.

19 comentários:

  1. E VC VAI ENTREGAR O QUE ARRECADAR PARA QUEM?!!

    ResponderExcluir
  2. Oi, anônimo! Como não obtive retorno do quartel, vasculhei e vi que uma igreja aqui próximo está arrecadando... preferi acreditar e doar. Infelizmente, aqui no prédio ainda não pude divulgar, porque terei que colocar um aviso em cada apt... o síndico não liberou colocar nos quadros de aviso do prédio... Fiz a minha doação. Não vai resolver, porque a seca é seca desde sempre, mas, em vez de falar, apenas, eu fiz algo. Fico muito chateada com o peso que dão para uns e nada para outros... Mas, estou revendo até esse meu conceito... Obrigada pela pergunta. Entender que não vamos resolver e pequenas doações podem não trazer um resultado eficaz...

    ResponderExcluir
  3. Existem algumas ongs para ajuda ao nordeste, projetos para instalação de cisternas. Não sei se estas ongs são 100% confiáveis, mas o que mais me impressionou foi a dificuldade de encontrar instituições como essa numa simples busca na internet.É incrivel o descaso de todos nós brasileiros para esta situação. Eu assim como vc também quero ajudar essas pessoas e animais que tanto sofrem.. acredito que podemos fazer isso basta nos unir e agir, uma forma é buscar saber mais sobre estas ongs que podem ser um meio de ajuda: http://www.comitebetinho.org.br.... http://www.caatinga.org.br/
    Abraços,
    Cristiane

    ResponderExcluir
  4. Obrigada, Cristiane! Vou dar uma conferida, também!

    ResponderExcluir
  5. Nossa eu tenho que fazer um Tcc na escola e voce realmente me abriu os olhos para a situaçao de calamidade dessas pessoas..
    Vou chamar a atençao de todos os pais, alunos e professores para que eles vejam como podemos sim ajudar a todos.. Mesmo sendo nos pequenos detalhes!
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça, mesmo! Em geral, quartel recebe e é mais confiável. Eu sei que a seca sempre existiu, mas, sei lá, eles passam uma lição de vida muito forte. Eles, literalmente, vivem da sobrevivência e VIVEM de uma maneira muito intensa, aproveitando cada gota de vida.

      Obrigada, a você!

      Excluir
  6. Olá!
    Gostaria de saber se conseguiu arrecar doações e qual o resultado? Estou querendo arrecadar também, mas estou pesquisando sobre o assunto primeiro. Os meses se passaram e nada mudou p/ os nordestnos. Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Doações eu só consegui com amigos mais próximos e família. Entreguei numa igreja que me indicaram. Infelizmente, me deixei passar e nunca mais voltei lá para saber.

      Na verdade os anos se passam e nada muda. Faltam política e práticas dessa política sérias para se resolver, inclusive sobre controle de natalidade, saúde...

      Não obtive resposta do exército - também não fui lá pessoalmente.

      Acabei priorizando, por agora, ajudar pessoas aqui mais próximas e que estão passando por aqui... não dá para fazermos tudo de vez.

      Obrigada pelo interesse!

      Excluir
  7. Eu também estou procurando ao máximo tentar ajudar essas pessoas e principalmente os animais, pois acabo de chegar de lá, a passeio, e foi terrivelmente triste ver tudo isso acontecendo no nosso próprio país. Pensei em procurar ONGs que ajudam, mas como quero ajudar um local específico estou tentando enviar os mantimentos pelos meus familiares que moram por lá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom,Camila. A gente nao vai resolver tudo,mas ajuda.

      Excluir
  8. Gostaria de poder ajudar mas nem seu por onde começo!!!
    Será que na cruz vermelha conseguiriam encaminhar para lá?
    ou sera que tentando entrar em contato com uma igreja local as dioceses daqui conseguiriam enviar?
    Precisava de uma luz!!!

    ResponderExcluir
  9. como e para quem enviar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece que estamos na mesma situacao. Quero ajudar a essa gente, mas nao sei por onde comecar! Li a respeito das cisternas no site da ASA Brasil, tentei enviar um email com perguntas a respeito do custo e outras duvidas, mas a mensagem nao pode ser enviada por problemas no site deles. Nao quero fazer doacoes pois nao confio em ONGS ou qualquer outra instituicao no Brasil. A ideia seria fazer servico voluntario, mas nao sei como e feito o sistema de selecao de familias p/ se beneficiar das cisternas. Tem alguma ideia?

      Excluir
  10. Gente, sempre tive/tenho vontade de ajudar, fazer alguma coisa. Às vezes me sinto agoniada, angustiada e até vazia sem saber o porquê. Não sei ao certo, mas algo me diz que é por isso: sinto essa necessidade de ajudar, acho que é pra isso que estamos aqui. Já ajudo uma família e alguns amigos mais necessitados, mas gostaria de fazer algo maior, por isso comecei a pesquisar na net e achei vocês. Estou vendo que há muitas pessoas na mesma situação, com a mesma vontade que eu. Por que não nos juntar e fazermos algo??? Não sei bem o que... pode ser doações de alimentos, roupas, ou mesmo de dinheiro para comprarmos cestas básicas. Poderíamos nos reunir, nos encontrar e conversar sobre.
    Um grande beijo!

    ResponderExcluir
  11. Marco Aurelio/RJ10 junho, 2013 23:49

    boa noite me chamo Marco Aurelio moro na cidade do rio de janeiro,gostaria muito de ajudar os meus irmãos nordestinos,mais não sei como começar,vamos agir o mais rápido possivel meu tel:021-7514-6292 um abraço e fiquem com Deus!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já fez contato com alguma igreja ou Exército? Vale a pena.

      Excluir
  12. AJUDAR O C. , SE DEPENDER DE AJUDA , VAI SER UMA PASSAGEM DE VOLTA SE DESENBARCAEM AQUI , ELEGEM ESSA MERDA E VEM PRA SAO PAULO FAZER O QUE , FICA LA COM BOLSA FAMILIA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro anônimo, fica registada sua opinião. Aqui é um espaço democrático e isso quer dizer respeito a todas as opiniões. Não te questiono, você deve ter seus motivos pessoais para pensar assim. Apenas acolha suas emoções e não desconte num povo sofrido desde que o Brasil é Brasil. Grata, por ter deixado o seu desabafo. Siga seu rumo e volte quando e quantas vezes quiser.

      Excluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails